Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Rituais de Beleza

por Rita Alves

Rituais de Beleza

por Rita Alves

Sab | 22.09.18

Mitos & Cuidados A Ter Com O Consumo De Proteínas

IMG_20180729_082551 (2).jpg

 

Estamos na Era Fit.

Fico muito feliz ao ver que a sociedade dá cada vez mais valor ao seu bem-estar físico e psicológico, promovendo-se corridas, disponibilizando-se espaços ao ar livre destinados ao exercício físico (muitos deles com máquinas de fitness de uso comunitário) e incentivando-se uma alimentação saudável.

Agora a tendência alimentar passa por reduzir a ingestão de açúcares simples e de gorduras saturadas e aumentar o consumo de proteínas, trocando-se os iogurtes light pelo skyr e pelo quark, as barras de cereais pelas barras proteicas, e os cereais pelos pseudocereais (como a quinoa e o trigo sarraceno). Na pastelaria caseira passamos a substituir certos ingredientes por outros mais saudáveis e ricos nutricionalmente, como nesta receita de bolo proteico com Skyr e Maçã.

Os suplementos proteicos também começam a ganhar protagonismo, sendo o whey (proteína extraída do soro de leite) um dos mais populares. Vemo-lo muitas vezes em receitas doces como alternativa à utilização de farinha.

Já sabemos que as gorduras saturadas e os hidratos de carbono simples, como o açúcar, podem trazer prejuízos para a nossa saúde, mas será que aumentar o consumo de proteínas é assim tão saudável? Ou poderão existir alguns riscos?

 

Mitos:

  • A proteína queima a gordura. Mito! O que queima realmente a gordura é o exercício físico que fazemos, juntamente com uma dieta hipocalórica.
  • A proteína não engorda. Mito! As proteínas, tal como os hidratos de carbono, fornecem 4 Kcal/g. Por isso, se for ingerida em excesso, a proteína é convertida pelo nosso organismo em glicose (hidratos) ou acumulada sob a forma de gordura, podendo engordar.
  • Reduzir os hidratos de carbono e aumentar as proteínas é saudável. Mito! Uma alimentação saudável é equilibrada e adaptada às nossas necessidades individuais (estilo de vida, doenças, etc.). Há várias fontes de hidratos de carbono na nossa alimentação que são menos saudáveis e outras mais saudáveis, e o mesmo acontece com as fontes de proteína, por isso devemos aprender a escolher em vez de banir por completo qualquer grupo nutricional.
  • Qualquer pessoa pode tomar suplementos proteicos. Mito! Por exemplo, se houver alguma fragilidade nos rins ou fígado está desaconselhado. Lembrem-se: os suplementos, como o nome indica, servem para complementar a alimentação em fases de maior necessidade.

 

Verdades:

  • A proteína é essencial para aumentar a massa muscular. Verdade! As proteínas são os “tijolos” dos nossos órgãos e tecidos, por isso são essenciais quer para dar firmeza ao músculo, quer para o reparar. Contudo não é só por ingerirmos proteína que vamos ficar musculados, é preciso que haja realização de exercício físico. Mas ATENÇÃO: o nosso organismo tem uma capacidade limitada de “produção muscular”. Isto significa que há uma quantidade máxima de proteína que conseguimos “converter” em músculo e ao ingerirmos mais que essa quantidade o excesso vai ser eliminado através dos rins, sobrecarregando-os.
  • O consumo de suplementos proteicos por quem faz atividades desportivas, como a musculação, é aconselhado. Verdade! Desde que não tenha problemas de rins, fígado, ou outro problema de saúde que o impeça, e sempre acompanhado por um nutricionista para evitar o seu consumo excessivo.
  • A proteína deve ser consumida após os treinos. Verdade! Para ajudar na recuperação e crescimento muscular.
  • Os hidratos de carbono devem ser consumidos antes dos treinos. Verdade! Os hidratos de carbono vão dar a energia que o músculo necessita para que não tenha de “queimar” proteína. Depois de consumidos os hidratos de carbono, o corpo vai começar a “queimar” as reservas de gordura para produzir energia, poupando as proteínas. Contudo, sem hidratos de carbono, o organismo dificilmente vai conseguir “queimar” a gordura acumulada, acabando por “queimar” músculo para conseguir produzir energia. Mas atenção, se o objetivo é perder peso é preciso ter cuidado com a quantidade e qualidade dos hidratos, e convem ter em conta que certos tipos de exercício físico, como a aeróbica, nem sequer necessitam deste aporte extra, bastando o que é fornecido nas refeições.

 

Cuidados a Ter:

  • As proteínas em excesso podem sobrecarregar alguns órgãos, nomeadamente os rins. Este esforço acaba por destruir as boas intenções de quem consome suplementos proteicos sem supervisão: em vez de melhorar a sua condição física, acaba por sobrecarregar os rins e o seu metabolismo. Quem faz dietas ricas em proteína deve ter o cuidado de ir habituando o corpo lentamente para que o metabolismo se possa ir adaptando à dieta.
  • Para além disso, nem tudo o que ingerimos é absorvido. Há uma competição ao nível da absorção dos aminoácidos. Se bem se lembram, os aminoácidos são as unidades básicas que formam as proteínas. Existem 20, mas o nosso organismo não consegue produzir 9 deles - os chamados aminoácidos essenciais - e tem de os ir buscar à alimentação. Assim, ao tomarmos um suplemento proteico podemos estar a privilegiar a absorção de determinados aminoácidos em detrimento de outros provenientes da alimentação, entre os quais os aminoácidos essenciais.
  • Atenção também ao marketing que é feito à volta dos alimentos e suplementos proteicos. Aconselho a ler os ingredientes e olhar para a tabela nutricional, pois não vale a pena investir nele se for altamente calórico ou altamente processado, por exemplo.

 

roda alimentos.jpg

 

Tirando os casos dos atletas de alta competição, idosos e outras pessoas com dificuldade em absorver proteína, todos nós deveríamos consumir níveis de proteína relativamente baixos. O aconselhado é aproximadamente 1g/kg/dia (o equivalente a um bife do tamanho de um punho fechado por dia), mas varia conforme o sexo, idade, estilo de vida e condições de saúde. Ainda se lembram qual é a maior fatia da roda dos alimentos? A fruta e os legumes. Os produtos de origem animal (peixe, carne, laticínios) são das fatias mais pequenas, bem como as leguminosas, que são fontes de proteína vegetal.

 

O melhor é, por iniciativa própria, não alterarem substancialmente a quantidade de proteína que consomem. Se o quiserem fazer aconselho-vos a procurar um nutricionista, pois é a melhor pessoa para vos orientar quer sobre a quantidade de proteína que necessitam na vossa dieta, quer sobre os suplementos que devem tomar. Se o objetivo é perder peso, também existem dietas hiperproteicas e hipocalóricas que funcionam muito bem mas não é para toda a gente e por isso, mais uma vez, o melhor é ter o acompanhamento de um nutricionista. Aqui podem encontrar consultas de nutrição em Lisboa ou no Porto.

 

Divirtam-se a ser saudáveis! :D

Ter | 04.09.18

Regresso ao Trabalho: Os Melhores Produtos e o Melhor Ritual de Beleza!

Os dias de calma e tranquilidade passados com os pés na areia ou à beira da piscina ficaram para trás. Voltamos a entrar no stress do regresso às aulas e do trabalho. E para agravar, a pele anteriormente beijada pelo sol parece agora mais baça e marcada de imperfeições.

Mas vá, vamos agora olhar para o lado positivo do cenário: voltamos com as baterias carregadas, com a cabeça no lugar e a criatividade a fluir melhor, prontos para novos desafios e novos projetos que vão de encontro à nossa realização.

Só nós somos responsáveis pela nossa vida. Em tudo, inclusive no estado da nossa pele. Sabiam que só 10% do envelhecimento provem de fatores genéticos? 90% é provocado por fatores externos como o sol, a poluição, a luz LED (luz azul) e o estilo de vida (alimentação, tabaco, sedentarismo, sono, stress) – e nós temos controlo sobre eles!

 

urban duo.jpg

A Selva Urbana e um cheirinho do que aí vem... ;)

 

Portanto, agora que vamos voltar à rotina dos cuidados de pele na Selva Urbana, vamos escolher O Melhor Ritual de Beleza para o Regresso ao Trabalho:

 

Primeiro Passo: Renovação

Ao entrarmos numa nova rotina é importante deixarmos para trás o “peso morto”. Nas férias abusámos do sol, da água salgada e do cloro na pele, das noites acordados até tarde, dos petiscos, dos gelados, etc. Soube bem, mas agora partimos para outra fase, e a melhor forma de ”virar a página” é limpar as impurezas da fase anterior. Portanto vamos começar por fazer uma boa Esfoliação para eliminar as células mortas, estimular a renovação celular e permitir uma melhor absorção dos produtos que iremos aplicar à postriori. Esta esfoliação deve ser feita à noite, que é a melhor altura para a pele tirar partido dos seus benefícios. Depois disso aplicamos uma Máscara rica em ativos com capacidade de absorver e eliminar toxinas e impurezas dos poros e que restaurem a barreira hidro-lipídica, deixando a pele mais confortável, hidratada, limpa, lisa e luminosa, ou seja, muito mais saudável e airosa :D

 

Qual a melhor máscara?

Conforme o vosso tipo de pele:

 

Segundo Passo: Proteção

A vida na cidade e a dependência, nas várias áreas da nossa vida, dos dispositivos eletrónicos, dificulta que nos afastemos daqueles fatores que contribuem para 90% do envelhecimento da nossa pele. Por isso temos de apostar num Produto para usar de Dia que funcione como um escudo contra eles: Urban Force Serum-on-top, da Martiderm - para além de proteger a pele ainda aumenta as suas defesas naturais! É rico em polifenóis de maracujá (antioxidantes) e extrato de cacau (proteção anti-luz-azul, ou seja, anti-envelhecimento-digital) e ainda contém filtros solares anti-UVA e UVB (SPF20), ácido hialurónico (hidratante) e uma matriz protetora (BioShield) que funciona como uma rede sobre a pele, filtrando as partículas de poluição e evitando que elas penetrem na pele mas sem oclusão, permitindo sempre que ela respire. Como se não fosse já suficientemente bom, há ainda algo que eleva este produto ao estatuto de excelente: a sua textura, que se adapta a todas as peles e a todos os Rituais de Beleza, podendo ser usado sozinho ou em conjugação com séruns, ampolas, cremes e protetores solares. E como não tem ingredientes “agressivos” pode ser usado por todas as peles, mesmo as mais sensíveis! Na minha opinião é um Must-Have, um produto indispensável na vida urbana de qualquer pessoa. Obrigada à Martiderm por este escudo protetor tão bem concebido para a nossa pele!

 

Como introduzir o Urban Force Serum-on-top no Ritual de Beleza Diário?

É sempre o último a ser aplicado.

Exemplo 1) Limpeza -> Urban Force Serum-on-top

Exemplo 2) Limpeza -> Contorno dos olhos -> Ampola e/ou Sérum -> Urban Force Serum-on-top

Exemplo 3) Limpeza -> Contorno dos olhos -> Ampola e/ou Sérum -> Creme de Dia -> Protetor Solar SPF50+ -> Urban Force Serum-on-top

urban dia.jpg

Textura do Urban Force Serum-on-top.

 

Terceiro Passo: Detox

Desintoxicar a pele tem de ser um processo contínuo pois todos os dias estamos em contacto com biliões de partículas invisíveis que contaminam a pele. Para completar a ação do “escudo protetor” que aplicamos de manhã devemos usar um Produto de Noite que tenha um efeito Detox: o Urban Restore Serum, da Martiderm. Este sérum não só desintoxica as células como também as ajuda a autorreciclarem-se, graças aos extratos de oliveira e jujuba presentes na sua composição. Contém ainda alantoína (calmante e regeneradora), ácido hialurónico (hidratante) e um complexo reparador das células já danificadas. Na prática a pele fica purificada, revitalizada e desfatigada – tudo o que nós queremos ter ao acordar :D

 

Como introduzir o Urban Force Serum-on-top no Ritual de Beleza Diário?

Tal como outro sérum, ou seja, antes do creme de noite ou em substituição deste.

Exemplo 1) Limpeza -> Urban Restore Serum

Exemplo 2) Limpeza -> Contorno dos olhos -> Ampola -> Urban Restore Serum

Exemplo 3) Limpeza -> Contorno dos olhos -> Ampola -> Urban Restore Serum -> Creme de Noite

urban noite.jpg

Textura do Urban Restore Serum. 

 

Review da linha Urban, Martiderm:

Tenho de vos confessar que já experimentei estes produtos assim que foram lançados, em Junho deste ano, e fiquei Fã nº 1! Podem ter a certeza que vou voltar a introduzi-los no meu Ritual de Beleza de Regresso ao Trabalho!

Ambos os séruns são rapidamente absorvidos e deixam um toque seco e confortável  na pele, como se o produto penetrasse todo e não deixasse qualquer película à superfície mas ao mesmo tempo sente-se que está hidratada. É fantástico! Aconselho a todos os tipos de pele, das mais oleosas às mais secas, e a todas as idades e sexos, pois muitas doenças de pele são iniciadas ou agravadas por causa da oxidação e inflamação das células, resultantes dos agressores externos que já falámos no início (poluição, stress, luz LED...).

Desde que incluam estes 2 produtos no vosso Ritual de Beleza da forma mais adaptada às necessidades da vossa pele tenho a certeza absoluta que também vão adorar! De uma forma geral aconselho os Rituais de Beleza acima descritos nos “exemplo 1” para uma pele oleosa, os “exemplo 2” para pele mista e os “exemplo 3” para pele seca, mas não significa que seja sempre assim nem que os passos tenham de ser exatamente os mesmos. Podem ainda conjugar estes produtos com outros do vosso agrado, por exemplo, o vosso creme anti-envelhecimento favorito que não dispensam nem por nada deste mundo.

urban mesa.jpg

Aliados no combate ao stress :)

 

Garanto-vos que com este Ritual de Beleza revigorante vai saber-vos muito melhor voltar novamente à rotina.

Bons Regressos!